Regularidade by SFI CHIPS: novo líder na Master e disputa acirrada na Graduado

Quarto dia de prova trouxe mais emoção para a definição dos campeões,  marcada para a última etapa, dia 7/11,  com chegada em Barreirinhas (MA).

A categoria Regularidade by SFI CHIPS no Sertões já está marcada em 2020 pelas disputas mais acirradas na busca pelo título, principalmente nas categorias Master e Graduado. No penúltimo dia de provas a dupla Sandra Dias e Igor Quirrenbach venceram as duas etapas da prova, empataram em pontos com Gustavo Schmidt e Tiago Poisl e assumiram a liderança na categoria Master pelos critérios de regulamento. Na Graduado, Marcelo Prevideli e Alexandre Rech venceram a prova e estão a um ponto dos líderes Jeolayne Pinto e Tiago Vilaça. Já pela Turismo, Jorge Peixoto e Gustavo Peixoto conquistaram a primeira vitória na competição, mas Antônio Miranda e Marcelo Novaes seguem liderando com 20 pontos de vantagem.

O quarto dia de provas do Regularidade começou cedo ontem (5/11) em Palmas (TO). A largada aconteceu assim que o sol nasceu, por volta das 5h30. Pela frente, mais um dia longo, quase 12h para cumprir o total de 580 km de deslocamentos, sendo 137 de especial navegada. Para ajudar os competidores a acordarem, a prova iniciou após um deslocamento curto de 10 km, entrando em um trajeto em linha com piso cascalhado e trilhas estreitas difíceis de visualizar. Foi então que as duplas precisaram ficar atentas e tiveram trabalho em acertar as medidas e manter o carro no trajeto correto em uma pista de velocidade de terra.

O diretor de prova Rogério Almeida precisou cancelar alguns trechos da quarta prova do Regularidade by SFI CHIPS devido às chuvas dos últimos dias que alagaram áreas da região, mas as duplas puderam passar por estradas de fazendas com muitas poças de água para brindar o esforço de vencer as longas distâncias do Sertões com lindas fotos. A segunda etapa da prova iniciou em estradão, com brincadeiras no percurso para testar a medição dos navegadores, qualidade que está sendo muito exigida nas provas deste ano da competição. Foi um longo dia para o Regularidade.

Na sexta-feira, dia 6/11, a categoria não faz prova, mas cumpre um deslocamento livre até a Bolha 06 onde acontece a largada para a última disputa do Regularidade. No sábado, dia 7/11, será outro dia pesado e longo para os competidores. A prova terá 12h de duração, com total de 730 km, sendo 65 de especial desafiadora com muitos balaios e brincadeiras que vão definir os campeões de 2020.

O que eles falaram

Sandra Dias, piloto da Master.

“Esse ano para mim está sendo diferente de todos, aliás para todos nós. Então a palavra é respeito, respeito pelas pessoas, respeito pelas dificuldades, respeito pelo momento que estamos vivendo no mundo. Estou largando com serenidade, gratidão por estar aqui podendo fazer parte dessa grande família que se chama Sertões. Maravilhosamente está tudo dando certo, e é assim que quero seguir até o final, sem disputa, mas com necessidade de superação, de mim para mim mesma.”

Alexandre Rech, navegador da Graduado.

“A prova de hoje teve um pouco de estrada para a gente ir se aquecendo e depois uma pista de terra muito larga. Então estava bastante complicado para navegar e achar as medidas corretas. Para os pilotos estava difícil também porque eram curvas bem fechadas e tinha uma curva muito lisa na saída que o pessoal acabava escorregando. Foi bem complicado essa parte da navegação. Tivemos alguns laços para deixar o pessoal bem atento em relação as entradas, mas acho que o grande desafio foi achar a medida, quem conseguiu interpretar bem o terreno se deu melhor.”

Antônio Miranda, piloto da Turismo.

“Estamos procurando poupar um pouco o carro com a intenção de chegar a Barreirinhas, mas sempre andando forte. É uma prova segura, tranquila, muito boa e gostosa de fazer. Começamos um pouco desligados, mas fomos entrando na competição e conseguimos bons resultados no início. Agora temos mais tranquilidade e podemos andar mais relaxados, sem precisar correr atrás de resultado. É espetacular participar do Sertões e correr em lugares do Brasil com paisagens fantásticas como estamos conhecendo.”

Gustavo Peixoto, navegador da Turismo.

“Hoje aconteceram alguns cortes na prova porque alguns lugares estavam inundados, mas a prova estava demais. No início tivemos uma pista indoor, com muitas curvas e uns trechos bem rápidos. Foi muito boa a prova, deu para curtir e pra aproveitar bastante. Foi emocionante”.

 

06/11 – DESLOCAMENTO entre a Bolha 05 (MA) e a Bolha 06 (MA)

Largada: Livre

Total: 600 Km; Navegado: 0 Km

Neste dia os competidores do Regularidade não fazem prova e contam somente com deslocamento livre até a Bolha 06.

 

07/11 – PROVA da Bolha 06 (MA) à Barreirinhas (MA) + Cerimônia de Premiação

Largada: 4h

DI: 280 Km; Total: 730 Km; Navegado: 62 Km; Tempo de Prova: 12h

O último dia de Sertões será desafiador, com 65 Km de balaios com muitas brincadeiras em uma prova desafiadora. Será o maior dia do rally. Os competidores vão largar de madrugada e a prova toda será em um balaio só, bem navegada, apesar de distâncias mais longas. Será um dia curto, mas bem navegado.

 

Resultado Sertões 2020/Regularidade

Etapa 4 – 5/11

 

Categoria Master

1) Sandra Dias/Igor Quirrenbach, – 280 pontos perdidos

2) Gustavo Schmidt/Tiago Poisl, 299

3) José Carlos da Silva/Enedir da Silva Jr, 353

4) José Guerra//Matheus Leite, – 378

5) Ernesto Kabashima/Maidy Chaim, – 381

6) Fernando Lage/Roberto Spessatto, – 458

Categoria Graduados

1) Marcelo Prevideli / Alexandre Rech, 292 pontos perdidos

2) Jeolayne Henrique Pinto / Tiago Vilaça, 357

3) Onofre Campos / Cesar Augusto Pereira, 369

4) Marcos José dos Santos / Lobsang Max, 400

5) Giovani Arnaldo de Mello / Pedro Pescador de Mello, 410

6) Aurélio Bilhalva / Rafael Augusto Avelar e Pinto, 442

7) Ronaldo Ribeiro Silva / Ícaro Martins Macedo, 536

Categoria Turismo

1) Jorge Luiz Scuro Peixoto / Gustavo Andreolli Peixoto, 497 pontos perdidos

2) Antonio Miranda Ribeiro Filho / Marcelo Almeida Novaes, 529

3) Rodrigo Tolezano Daraio / Renan Toguchi Alvares, 676

4) Luís Felipe Valladares Frauches / Carlos Henrique Frauches, 858

5) Mayson Raonny Da Silva Gomes / Sebastiao Marcelo Gomes, 947

6) Luís Fernando Carqueijo / Mariana Britto Lima Neves, 1.532

7) João Pedro Lemos / Gustavo Campos, 840.000

 

Classificação acumulada

Categoria Master

1) Sandra Dias/Igor Quirrenbach, 119 pontos

2) Gustavo Schmidt/Tiago Poisl, 119

3) Ernesto Kabashima/Maidy Chaim, 109

4) José Carlos da Silva/Enedir da Silva Jr, 105

5) Fernando Lage/Roberto Spessatto, 103

6) José Guerra//Matheus Leite, 101

Categoria Graduados

1) Jeolayne Henrique Pinto / Tiago Vilaça, 124 pontos

2) Marcelo Prevideli / Alexandre Rech, 123

3) Marcos José dos Santos / Lobsang Max, 105

4) Onofre Campos / Cesar Augusto Pereira, 104

5) Giovani Arnaldo de Mello / Pedro Pescador de Mello, 98

6) Aurélio Bilhalva / Rafael Augusto Avelar e Pinto, 86

7) Ronaldo Ribeiro Silva / Ícaro Martins Macedo, 86

Categoria Turismo

1) Antonio Miranda Ribeiro Filho / Marcelo Almeida Novaes, 132 pontos

2) Jorge Luiz Scuro Peixoto / Gustavo Andreolli Peixoto, 112

3) Rodrigo Tolezano Daraio / Renan Toguchi Alvares, 112

4) Luís Felipe Valladares Frauches / Carlos Henrique Frauches, 104

5) Mayson Raonny Da Silva Gomes / Sebastiao Marcelo Gomes, 101

6) Luís Fernando Carqueijo / Mariana Britto Lima Neves, 95

7) João Pedro Lemos / Gustavo Campos, 0

 

O SERTÕES

Um ano diferente pede um Sertões diferente. O maior rally das Américas se transforma no “Rally da Solidariedade”. A 28ª edição da prova traz adaptações relevantes nas suas três dimensões: Esporte, Social e Turismo. A missão este ano é levar acesso à medicina de qualidade e fomento econômico para as comunidades remotas e carentes do Brasil. Este ano a ação social do Sertões está focada em dois pilares: 1. Saúde: a instalação de unidades de teleatendimento médico gratuito de qualidade, projeto inovador desenvolvido pelo SAS Brasil;  2. Legado econômico: Ação coordenada com o SEBRAE em apoio à campanha ‘COMPRE DO PEQUENO’. Aquisição de cestas básicas de pequenos produtores locais que serão distribuídas nas regiões aos que estão sem trabalho e renda, além de todo abastecimento das Bolhas Sertões. O lado competitivo da prova foi adaptado e traz um protocolo de segurança especial com 10 medidas. A caravana ficará isolada em bolhas durante o percurso, em acampamentos fechados. Já a dimensão Turismo, que revela lugares que pouca gente conhece, foi postergada para 2021.

 

Siga-nos em nossas redes sociais e saiba tudo sobre o SERTÕES:

Site: www.sertoes.com

Instagram: @sertoes

Facebook: https://www.facebook.com/sertoesoficial

Youtube.com/sertoesoficial

Twitter.com/sertoesoficial

Baixe o APP do Sertões – disponível nas versões Android e IOS.

 

Comunicação – Sertões

Meg Cotrim: + 55 11 99182 8180

Aline Ben: +55 51 98135 2231

Alexandre Salvador: + 55 11 99625 1054

Leave A Comment

ASSISTA AO MANIFESTO SERTÕES 2020

CONFIRA O VÍDEO DO SERTÕES NA MÍDIA NO LANÇAMENTO DO ROTEIRO 2020