Direto da Argentina, Rubens Barrichello desembarca no Sertões para nova experiência

Piloto espera que rally o abrace num momento de aprendizado, adota postura de respeito e se mostra entusiasmado com a estreia

De Córdoba para Brasília. Do Super TC2000 para o Sertões. Quatro rodas sempre, mas em universos completamente distintos. Depois de acelerar na Argentina ao longo do domingo, Rubens Barrichello entrou na Bolha 1 do maior rally das Américas às 22h30. Reencontrou o Buggy Giaffone V8 da equipe RMattheis que teve a chance de testar uma vez para sua estreia no off-road. E não terá pela frente desafio dos mais simples. Nesta segunda-feira, a primeira parte da etapa Maratona, com 353km, é considerada a especial mais desafiadora desta edição. Com a possibilidade de chuva pelo caminho, mudando as condições do terreno e criando um fator a mais em meio a tantos aprendizados. Aos 48 anos, o vice-campeão mundial de F-1 pela Ferrari pilotará pela primeira vez tendo ao lado alguém (o experiente navegador Edu Bampi) para ditar seu ritmo e alertar sobre o que vem pela frente. Não por acaso, além da gratidão por mais uma experiência no automobilismo, ele usou a palavra respeito para um primeiro contato com o rally cross-country.

Cansado da viagem, mas feliz com a oportunidade, Rubinho foi fiel à característica que sempre o acompanhou nas pistas: o cuidado com os detalhes. Assim que entrou na cabine do ‘bugão’, pediu informações, deu sugestões e procurou se sentir o mais confortável possível no novo mundo do Sertões. Se haveria pouco tempo para descansar, a eterna juventude ao volante e a paixão pela velocidade o fizeram encarar uma primeira maratona.

O que ele disse

“Gratidão é a palavra certa, porque, um cara na minha idade, que correu hoje na Argentina e conseguiu fazer tudo organizado para chegar hoje, quase 23h para sentar no carro, ver se o banco está bom, como é que está tudo, para estar às 6h na prova, é por muito amor. Não posso ter pretensão de achar que, porque eu corri de alguma coisa, vou andar bem no Sertões. Para que ele me abrace, eu preciso respeitá-lo. Meu pai sempre me falava para entrar no mar com respeito, e é esse o espírito. Fiz um treino, mas não tenho muita noção do que esperar. Essa primeira fase é uma fase muito mental – ele (Edu Bampi) está falando uma referência ‘2’; ‘2’ é difícil, fácil? O rally é totalmente diferente, você passa por uma curva e vai esquecer dela. O meu navegador vai ter que me conhecer e eu a ele, e isso a gente só vai conseguir durante o caminho. Vou me concentrar para fazer as coisas certinhas e ter uma margem para conhecer cada vez mais e, amanhã, no fim, poder me sentir mais tranquilo. A gente quer adquirir experiência para que isso se torne um presente que se transforme cada vez mais um futuro. Tenho muito prazer de estar aqui, estou bem entusiasmado”.

O SERTÕES

Um ano diferente pede um Sertões diferente. O maior rally das Américas se transforma no “Rally da Solidariedade”. A 28ª edição da prova traz adaptações relevantes nas suas três dimensões: Esporte, Social e Turismo. A missão este ano é levar acesso à medicina de qualidade e fomento econômico para as comunidades remotas e carentes do Brasil. Este ano a ação social do Sertões está focada em dois pilares: 1. Saúde: a instalação de unidades de teleatendimento médico gratuito de qualidade, projeto inovador desenvolvido pelo SAS Brasil;  2. Legado econômico: Ação coordenada com o SEBRAE em apoio à campanha ‘COMPRE DO PEQUENO’. Aquisição de cestas básicas de pequenos produtores locais que serão distribuídas nas regiões aos que estão sem trabalho e renda, além de todo abastecimento das Bolhas Sertões. O lado competitivo da prova foi adaptado e traz um protocolo de segurança especial com 10 medidas. A caravana ficará isolada em bolhas durante o percurso, em acampamentos fechados. Já a dimensão Turismo, que revela lugares que pouca gente conhece, foi postergada para 2021.

 

O ROTEIRO SERTÕES 2020

O Sertões 2020 saiu da Fazenda Velocitta, em Mogi Guaçu (SP) dia 30/10 e chega em Barreirinhas (MA) dia 07/11. Vai cruzar cinco Estados e o Distrito Federal – SP, MG, DF, GO, TO e MA. Este ano, excepcionalmente, não haverá chegada às cidades anfitriãs. Toda a caravana se fechará em bolhas – locais isolados, afastados de adensamento.  Esses locais serão mantidos sob sigilo, a fim de evitar aglomeração. Os locais exatos das bolhas só serão revelados aos competidores na véspera. Todos seguirão por uma rota pré-estabelecida e monitorada.

 

Siga-nos em nossas redes sociais e saiba tudo sobre o SERTÕES:

Site: www.sertoes.com

Instagram: @sertoes

Facebook: https://www.facebook.com/sertoesoficial

Youtube.com/sertoesoficial

Twitter.com/sertoesoficial

Baixe o APP do Sertões – disponível nas versões Android e IOS.

 

Comunicação – Sertões

Meg Cotrim: + 55 11 99182 8180

Alexandre Salvador: + 55 11 99625 1054

Silvana Grezzana: +55 11 99972 6966

Rodrigo Gini: + 55 31 99616 4179

Leave A Comment

ASSISTA AO MANIFESTO SERTÕES 2020

CONFIRA O VÍDEO DO SERTÕES NA MÍDIA NO LANÇAMENTO DO ROTEIRO 2020